• Escotismo no Brasil

                                               HISTORIA DO ESCOTISMO NO BRASIL

             O Escotismo, movimento educacional para jovens,
             Fundado por Robert Stephenson Baden-Powell, sem vínculo político-partidário, valoriza a participação de pessoas de todas as origens sociais, raças e crenças, de acordo com os propósitos, princípios e métodos escoteiros. Se propõe a complementar a formação que cada criança ou jovem recebe de sua família e de sua religião.

             No Brasil, o Escotismo foi introduzido em 1910,por intermédio de marinheiros e capitães da Marinha, que trouxeram consigo uniformes escoteiros e interesse em difundir o movimento. No dia 14 de junho de 1910,foi oficialmente fundado, no Rio de Janeiro, o Centro de Boys Scouts do Brasil. Porém, o Movimento Escoteiro no Brasil, só ganhou amplitude nacional com a fundação da UEB-União dos Escoteiros do Brasil, em 1924,que começou a unificação dos diversos grupos e núcleos escoteiros dispersos pelo país.

            A ABE espalhou o Movimento Escoteiro por todo o país e em 1915,já contava com representações na maioria dos estados brasileiros e neste mesmo   ano,uma proposta para reconhecer o Escotismo como de utilidade pública,resultou no Decreto do Poder Legislativo número 3297,sancionado pelo Presidente Wenceslau Braz em 11 de junho de 1917 que no Artigo primeiro estabelecia: "São considerados de utilidade pública,para todos os efeitos,as associações brasileiras de escoteiros com sede no país."

            Em 1920,organizou-se o primeiro Jamboree, tornando-se um acontecimento notável por Ter contado com a presença de oito mil escoteiros,de trinta e quatro países: naquela ocasião. 


Estudo disponível somente para leitura On Line.
Com objetivo único de divulgar conhecimento

  

                         

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Escotismo no Brasil

  • Modelo: 17
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$0,00